domingo, 5 de maio de 2013

RESTAURANTE CHAPÉU DE PALHA DE MANAUS ANTIGA


RESTAURANTE CHAPÉU DE PALHA
Este foi projeto do arquiteto Severiano Mário Porto, uberabense, que projetou inusitadas edificações utilizando materiais da região. O projeto do Chapéu de Palha utilizava madeira de aquariquara nos seus vigamentos e palha de palmeiras regionais. Por usar materiais considerados simples o próprio Governo do Estado não dava o devido crédito as obras do famoso arquiteto uberabense. Com o projeto do Restaurante Chapéu de Palha o arquiteto ganhou em 1967 um prêmio, segundo a IAB, “pela simplicidade bem sugere as origens e tradições locais”. O restaurante em questão foi produzido em pouco tempo e com baixo custo com madeira e palha, materiais típicos da região, e por isso de baixo custo, fácil emprego e abundante mão-de-obra. Uma curiosidade são as calçadas largas que eram padrão no Bairro de Adrianópolis, muito largas e confortáveis para circular a pé apreciando o local, que aos poucos deram lugar à construções modernistas. A localidade era arborizada e atualmente foram  reduzidas. No outro lado da rua ficava o Instituto Montesoriano criado pelo sr. Dr. André Vidal de Araújo,nos anos de 1940, o instituto atendia crianças com múltiplas dificuldades e foi um marco na cidade. O prédio foi demolido nos anos 90/2000 dando lugar ao atual condomínio Central Park. FONTE:
http://www.arquitetonico.ufsc.br/severiano-mario-porto







3 comentários:

  1. Durante minha infância várias vezes ouvir minha mãe falar desse lugar, mais não sabia como era, agora olhando essas fotos parece que volto tempo, uma sensação de muita saudade, acho que pelo ouvia dela...
    olhando essas fotos também matou um pouco de saudades dela, um dia ela esteve aí.....
    Parabens pelo trabalho

    ResponderExcluir
  2. A comida lá foi ótimo. Anta foi no menu tambem. Meu primeiro pedido num restaurante que fiz em Português estava lá, "Um Brahma Chopp. Bem geladinho. Por favor." -- Bill Steward

    ResponderExcluir
  3. foi lá que comi o melhor pirarucu na brasa da minha vida

    ResponderExcluir