sexta-feira, 4 de outubro de 2013

O TÚMULO DE ETELVINA ALENCAR - A SANTA ETELVINA ASSASSINADA EM 1901

A SEPULTURA DE ETELVINA ALENCAR CHAMA ATENÇÃO NO CEMITÉRIO SÃO JOÃO BATISTA

CEMITÉRIO SÃO JOÃO BATISTA ANOS 6O
DIA DE FINADOS 
créditos Paul Downey o missionário que viveu aqui muitos anos

TUMULO DE SANTA ETELVINA 

créditos Bernardo de Oliveira 

Trata-se do túmulo da 'Santa Etelvina' considerada milagrosa. Todos os anos a Santa Etelvina recebe centenas de fiéis, principalmente em celebração ao Dia de Finados.
A história da famosa 'Santa Etelvina' é uma das mais conhecidas no Amazonas. Etelvina d'Alencar foi uma trabalhadora rural cearense assassinada brutalmente, em 1901, na então Colônia Campos Sales, Zona Oeste de Manaus. Segundo fiéis, após o assassinato a trabalhadora rural teria feito aparições para diversas pessoas, espalhando mensagens de Deus. Apesar de nunca ter sido canonizada, Etelvina é considerada santa por muitos manuaras. Uma placa em seu túmulo diz "mão perversa arrancou-lhe a vida. Piedade do povo do Amazonas erguendo-lhe o monumento".
No blog do Coronel Roberto é possível encontrarmos o seguinte relato:

“Sobre a “santa” Etelvina, reproduzo um trabalho do historiador Júlio Uchoa (da Associação Amazonense de Imprensa), divulgado no Jornal do Commercio, de 15 jan. 1956, em sua coluna Homens, Coisas e Fatos.
            Escrevemos, em 1947, algumas notas sobre Etelvina de Alencar, jovem nordestina de 17 anos de idade, sacrificada às mãos de um conterrâneo seu, o qual se deixara dominar por estranha e mórbida paixão. Isso em princípio de 1901.
            Descreveu o doloroso acontecimento, de extraordinária repercussão em todo o País, um inspirado bardo popular que enfeixou, em um folheto, sua magnífica produção. Muitos anos volvidos após sua divulgação, caiu sob nossas vistas um exemplar desse livrinho. 
            E, foi assim que ao historiador forneceu o poeta os elementos indispensáveis à elaboração do citado trabalho, conservando aquele, desta feita, como da vez anterior, o mesmo sentido trágico e humano dado por este à sua impressionante narrativa.
            Filha de Cosme José de Alencar e Antonia Rosalina de Alencar, Etelvina nasceu em Boa Vista do Icó (CE), em 1884, vindo para Manaus em companhia de sua genitora, já então viúva, e de três irmãs, sendo uma destas casada. Desta capital se transportou a família à Colônia “Campos Sales”, inaugurada dois anos antes, onde se ia dedicar aos labores agrícolas.
            Na colônia, Etelvina veio a conhecer o colono de nome José que logo a primeira vista por ela se apaixonou, seguindo-se o ajuste de casamento. Cedo, porém, a desilusão: a jovem fez saber a José [que] não mais desejava casar–se com ele, desfazendo-se, deste modo, os compromissos assumidos anteriormente.
            Grande abalo produziu no espírito de José o rompimento do noivado. Meio pequeno, constituído como que de uma família, a notícia provocou sensação. Houve mesmo quem afirmasse que Etelvina possuía três namorados: Antonio, Estevam e Henrique. Tudo isso ouvira José e dando crédito às intrigas que lhe contavam, jurou vingar-se, não só da ex-namorada, mas, igualmente, dos três rapazes que imaginava causadores de sua infelicidade. E tudo planejou, fria e demoradamente.



CEMITÉRIO SÃO JOÃO BATISTA ANOS 60

créditos Paul Downey o missionário que viveu aqui muitos anos

4 comentários:

  1. https://www.facebook.com/nuvenscorderosa

    ResponderExcluir
  2. hoje enquanto assistia os Des mandamentos da record estava triste por não receber resposta de Deus para minhas perguntas dai falei que pedia a intercessão de todos os santos ai fui falando nome de santos que me via na cabeça dai falei ETELVINA e parei para pensar se existia alguma santa com esse nome pois nunca ouvi falar então fui pesquisar na net para ver se existia e cai neste site, interessante e bom saber agora eu vou rezar para essa moça, pedindo sua intercessão, amém

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante as histórias que tenho lido sobre Manaus antigamente e que ainda não conhecia, site muito bom...

    ResponderExcluir
  4. Esse site esta sendo muito bom, é muito bom saber sobre nossa cidade, o quanto é bom ler, conhecer, estopu adorando esse blog, qualquer dia irei fazer uma visita e levar umas rosas, para deixar no seu tumulo.

    ResponderExcluir